sexta-feira, 4 de abril de 2008

Poemas - de Gabi.

Lamento espanhol


Ai de mim que por amor sofro
De coração que despedaça
Apenas por não te sentir

Ai de mim que de longe sonho
Com aquele que me ignora
E me relega a escuridão do anonimato

Ai de mim que de sangue espanhol
Não soube esperar, tão pouco compreender
Perdendo-te de pulo, de erro e desatino

Ficando a léu meu destino
Que já não me interessa
Rasgado sem sentido algum.

Lamento português

Vindo o rio da minha pequena alma
De barqueiro solitário
Vendo te num só dia
E Levando comigo teu sorriso singelo
Para todos os outros dias, sem ti.

Nenhum comentário: